image

Um espaço que é a cara do centro de São Paulo ganhou, por coincidência, destaque em janeiro em diferentes ações: tanto a Cavalera, quanto a novela global Tempos Modernos, escolheram a Galeria do Rock como cenário – uma para o desfile, a outra para ambientar parte da trama.
Localizado no centro de São Paulo, o lugar é reduto de diferentes tribos urbanas (emos, skatistas e góticos etc) e até ponto turístico – é indicado no cool Total Sao Paulo: A Guide to the Unexpected, da jornalista norte-americada Phuong-Cac Nguyen.
Com um público tão diverso, não é de se estranhar que a oferta também seja variada. Entenda abaixo como funciona a galeria e bom passeio.

Street
O subsolo é todo dedicado às lojas voltadas para a cultura hip hop. No térreo, é onde fica o comércio dos skatistas com destaque para vendas de tênis e variedades de marcas de streetwear. Dica: negocie os preços à vontade.

Rock n’roll, metal e emocore
No 1º andar, estão os espaços remanescentes do tempo em que o rock mandava por lá. No entanto, as lojas de discos, de camisetas de banda e das peças com tachas já dividem espaço com a nova geração de luvinhas sem dedo e  munhequeiras que agradam aos emos. Para comprar tênis, vá à TerraViva: uma superloja com mais de 200 modelos de All Star, que inclui edições especiais como a limitada do AC/DC.

CDs e discos de vinil
O 2º piso é tomado por música e vendas de CDs. É lá também que fica a Baratos e Afins, loja de vinil, que apareceu até no seriado Aline, da Rede Globo. E, a partir do 3º andar, as lojas especializadas em material para silk screen tomam conta.
Veja o que você pode encontrar por lá.

Galeria do rock
De segunda a sexta-feira, das 9h às 20h; sábado, das 9h às 17h .
Rua 24 de maio, 62, Centro, São Paulo – SP.

image image image image

Tá aí! Achei incrível a matéria, vou deixar o link.

http://chic.ig.com.br/moda/noticia/um-roteiro-de-compras-na-galeria-do-rock

Bjs.

.

.

.

Anúncios